O sítio do INA utiliza cookies para melhorar o seu desempenho e a sua utilização. Os cookies utilizados para as ações essenciais do sítio encontram-se definidas. Consulte a política de privacidade.

Eu aceito cookies.

  • Última actualização: 11 agosto 2017

PT | ENG

Erro
  • JCacheStorageFile::_deleteFolderJFolder:: eliminar: não foi possível excluir a pasta. Caminho: D:\SiteIna2012\cache\jw_sig

Edição anterior

BANNER DECODE

O Diploma de Especialização em Cooperação para o Desenvolvimento (DECODE) é um curso de formação profissional, com equilíbrio entre o saber e o saber fazer, que tem como objetivo geral conferir aos seus participantes uma qualificação que lhes assegure uma visão holísta em matéria de Cooperação para o Desenvolvimento, bem como capacitá-los com os instrumentos operacionais destinados à promoção das ações das instituições, organizações não-governamentais, fundações e empresas que intervêm, ou venham a intervir, nas áreas da cooperação internacional, independentemente da área específica da sua atuação.

O INA já formou cerca de 500 profissionais na área da Cooperação para o Desenvolvimento. Deste universo 134 formandos participaram no DECODE.

O DECODE tem a duração de 120h presenciais (com suporte de uma plataforma e-learning).

Assista ao vídeo de apresentação, pelo formador Tiago Matos Fernandes, e acompanhe os testemunhos de participantes de edições anteriores do DECODE.

Objetivos:    
- Compreender o delineamento das políticas de cooperação e dos instrumentos de política que têm de ser utilizados com vista à cooperação.
- Compreender a interdependência social e económica mundial e especialmente regional onde se alicerça a cooperação entre Estados ou entre Organizações Internacionais e Estados.
- Conhecer, a partir da noção de desenvolvimento humano sustentável, os conceitos, dimensões, fatores e critérios relevantes para uma boa governabilidade onde se identifiquem os valores, instituições, organizações, funções e critérios relevantes nos sectores privado, do Estado e da sociedade civil, que permitam aos cidadãos articular os seus interesses, realizar os seus direitos e deveres legalmente constituídos.
- Estimular a visão estratégica dos projetos nas organizações a partir da análise do contexto externo e interno.
- Dotar os participantes de instrumentos básicos para a gestão de projetos.

Destinatários:
O DECODE destina-se a todos os interessados, sem obrigatoriedade de licenciatura, com ou sem vínculo à Administração Pública:
      a) que colaborem ou possam vir a colaborar em atividades diretamente ligadas à Cooperação para o Desenvolvimento;
      b) que prestem ou possam vir a prestar assistência técnica e metodológica aos decisores públicos e privados na formulação, implementação e avaliação de políticas, programas e projetos de Cooperação para o Desenvolvimento.

Formadores:
Peritos e académicos, com experiência reconhecida na área da Cooperação Internacional

Preço:    1200 €
Para candidatos inscritos a título individual, o pagamento dos custos de inscrição pode ser realizado através de quatro prestações mensais, iguais e sucessivas no valor de 300,00€ (Trezentos Euros), em calendário a definir pelo INA.

Avaliação:  
1.    A avaliação consiste na apreciação de trabalhos individuais e de grupo, a estabelecer pelos formadores em função da natureza das matérias, nos seguintes termos:
      a)    No Grupo Temático I, cada participante é sujeito à realização de um único trabalho individual (resposta a questão para desenvolver ou crítica de um texto);
      b)    Nos Grupos Temáticos II e IV, cada participante é sujeito à avaliação de um único trabalho individual, devendo optar pela realização de um dos exercícios apresentados pelos formadores para este Grupo Temático;
      c)    No Grupo Temático III, cada participante é sujeito à realização de um trabalho de grupo enquadrado no módulo “Identificação de Programas e Projetos”;
2.    Os Grupos Temáticos V, VI e VII não se encontram sujeitos a avaliação.
3.    O conteúdo e critérios de avaliação são determinados pelos formadores de cada Grupo Temático.
4.    Os participantes são ainda sujeitos à avaliação de um trabalho final de grupo, o qual:
      a)    Terá forma escrita, versando sobre a preparação de uma Ficha de Identificação de Projeto, em área e relativamente a um país de língua oficial portuguesa a definir;
      b)    Será apresentado oralmente no final do curso, perante um júri constituído por três elementos com experiência reconhecida na área da Cooperação Internacional.

Próxima edição a anunciar brevemente.

Para mais esclarecimentos contacte a Direção de Serviços de Cooperação, Comunicação e Documentação através do endereço Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. .